Transplante capilar e calvície feminina

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Muitas pessoas não sabem, mas o transplante capilar é um procedimento que pode ser indicado para mulheres que sofrem com calvície. O primeiro passo a ser dado, é saber se a queda capilar que afeta a paciente é relacionada a calvície. A queda de cabelo em mulheres pode apresentar várias causas, e para descobrir qual, é necessária uma consulta com médico dermatologista especialista em tricologia (ciência que estuda os cabelos) para avaliar os sintomas e sinais da queda de cabelo. Existem muitas doenças do couro cabeludo e dos fios que simulam a calvície feminina, porém, durante o exame físico do couro cabeludo através da tricoscopia digital computadorizada, é possível obter o diagnóstico correto já na consulta. Quando estamos diante a um quadro de queda capilar não relacionada a calvície, o transplante geralmente é contraindicado.

Quando a paciente apresenta todos dos sinais diagnósticos da calvície feminina, nos classificamos o estágio em que se encontra a calvície e em seguida traçamos o plano terapêutico. Em casos com graus avançados de perda capilar, onde não mais possível recuperar os fios através dos tratamentos clinico, o transplante capilar pode ser uma boa opção.

O transplante capilar pode ser indicado nos casos onde a mulher apresenta uma boa área doadora (fios grossos e com volume na região de trás da cabeça), queda capilar estabilizada (sem progressão do afinamento ou queda capilar) e com bom estado de saúde.

Os fios podem ser retirados da faixa na região doadora com comprimento natural, ou seja, com fios longos (sem necessidade de raspagem) e em seguida são implantados com o mesmo comprimento. Permitindo um resultado natural e discreto após a cirurgia. A técnica de transplante com fios longos permite ver o resultado de como fica a área calva tratada no momento que acaba a cirurgia, e isso causa um impacto emocional muito forte nas pessoas.

Logo após o procedimento, a paciente deve receber todas a orientações de como lavar e cuidar dos cabelos recém implantados, além de outras informações de como manter o seu tratamento clinico para acelerar o crescimento dos cabelos e diminuir a queda nas áreas que não foram transplantadas.

O transplante capilar vêm sendo cada vez mais utilizado no tratamento da calvície feminina no Brasil e no Mundo, mas para ser realizado de maneira correta e segura, o paciente deve buscar o profissional habilitado, dermatologista ou cirurgião plástico, e clínicas com infraestrutura e equipe especializada neste tipo de cirurgia.

Dr. Igor Azevedo Bottura

Dr. Igor Azevedo Bottura

O Dr. Igor Azevedo é paulista mas atua em Cuiabá há mais de 10 anos. É especialista em tricologia e transplante capilar com especialização internacional obtida em Israel. Atualmente é diretor da Clínica Bottura Transplante Capilar em Cuiabá/MT.